Quais as consequências de não investir na segurança do banco de dados?

segurança do banco de dados

O banco de dados de uma empresa representa mais do que simplesmente um conjunto de informações guardadas em servidores físicos e disponível em máquinas: ele é, na verdade, o centro de onde pode partir grande parte de sua inteligência competitiva.

Tem, portanto, função altamente estratégica e precisa de soluções seguras para garantir a estabilidade, possibilitar compartilhamento e facilitar níveis de entrega de trabalhos eficazes, sem que essa abertura signifique maior vulnerabilidade. Ou seja, o banco de dados tem que garantir disponibilidade e segurança ao mesmo tempo.

Não investir nesse último atributo pode gerar graves consequências. E é por isso que no post de hoje vamos falar especificamente de alguns dos principais prejuízos que a falta de segurança do banco de dados pode ocasionar nas empresas, mostrando como é importante evitá-las:

Roubo de dados e imagem negativa

Ataques de crackers e invasões aos bancos de dados podem causar prejuízos de milhões às empresas. Para pequenas e médias, principalmente, mesmo que o prejuízo financeiro não seja dessa ordem, os danos à imagem e ao orçamento (se consideradas suas devidas proporções) podem até mesmo inviabilizar a continuidade do negócio.

O roubo de dados dos clientes representa um grande risco porque, além de expor a própria empresa, chega a causar danos também à imagem dos clientes e às suas vidas pessoais, uma vez que podem envolver dados bancários e senhas de cartões, facilitando fraudes financeiras.

Além da perda de confiança e abalo nos relacionamentos que isso gera, a imagem da empresa fica totalmente prejudicada no mercado, dificultando a obtenção e retenção de novos clientes.

Prejuízos financeiros

Além dos que naturalmente advêm da possível perda de clientes que tenham dados sigilosos violados por invasores, os prejuízos financeiros podem vir de outras formas.

Problemas no Data Center, por exemplo, também podem acarretar a paralisação dos serviços, ocasionando perdas de produtividade, atraso nas entregas e trabalhos de resposta das equipes às demandas dos clientes, além de gastos excessivos com manutenção e reversão de prejuízos (o que nem sempre é possível na totalidade).

Reparos não programados e indisponibilidade são, sem dúvidas, vilões do rendimento e também dos investimentos, podendo gerar custos além dos previstos.

Perda de vantagem competitiva

Aqui os cibercriminosos lucram com a venda de informações no mercado negro enquanto as empresas perdem vantagem competitiva, tendo uma cópia de seu banco de dados disponibilizada a outras pessoas que podem utilizar as informações em prol da concorrência — um caso até comum e tem causado enormes prejuízos a diversos tipos de empresa.

Com isso, as companhias perdem diferenciais, como um potencial muito grande de relacionamento com os clientes, utilizando as informações em processos de negócio inteligentes e ferramentas de aproximação dentro de um planejamento estratégico para a comunicação.

Descontrole da empresa

Uma vez que o banco de dados é essencial para as operações, seus gestores devem acompanhá-lo de perto. Caso isso não seja feito, pode causar o desequilíbrio das operações e danos cada vez maiores à saúde e sustentação da empresa.

Uma solução diferenciada em banco de dados pode permitir maior controle, administração eficaz das informações, acompanhamento em tempo real e monitoramento facilitado para evitar a ocorrência e agravamento de problemas que levem à descontinuidade do negócio. Tendo acesso e monitoria reativa e preditiva, sua empresa consegue investir melhor em prevenção (solucionando até 98% das ameaças em tempo hábil) e intervir em casos nos quais seja possível frear tentativas de violação.

Gostou destas dicas para ficar atento à segurança do banco de dados da sua empresa? Curta nossa página no Facebook e fique por dentro de mais informações e novidades dessa área!