4 dicas para reduzir custos no setor de TI

custos no setor de TI

Em tempos de crise, muitas empresas buscam internamente formas de reduzirem custos e, assim, se manterem competitivas. Nesse sentido, o setor de TI pode adotar uma série de estratégias para eliminar gastos e se tornar mais eficiente. Assim, a área consegue contribuir para uma estrutura orçamentária compacta e, ao mesmo tempo, aumentar a sua capacidade de atuar com alta performance.

Veja abaixo 4 dias para reduzir custos no setor de TI!

1. Buscar novos métodos de licenciamento de software

O licenciamento de software é um dos investimentos realizados por empresas que possui alto impacto nos custos do negócio. Para reduzir os gastos nessa área, o negócio tem como opção adotar novos métodos de licenciamento, como o SaaS.

Sigla para Software as a Service, algo que em português pode ser traduzido como Software como Serviço, o SaaS é um modelo de licenciamento de software em que a empresa paga continuamente pela licença do sistema. Em troca, ela receberá sempre a última versão do software, geralmente por meio de plataformas de cloud computing.

Dessa forma, os gastos nessa área são reduzidos. Além de uma assinatura ter um custo menor do que a licença completa, o empreendimento pagará apenas pelo número de contas ativas. Vale destacar que um modelo de licenciamento flexível aumenta a capacidade da empresa de planejar novos investimentos e se preparar para mudanças no mercado.

2. Ter um direcionamento de tarefas eficiente

O direcionamento de tarefas impacta diretamente nos custos do setor de TI, uma vez que está ligado aos indicadores de produtividade da empresa. Para reduzir custos, o gestor de TI pode investir em uma distribuição de tarefas eficaz e com foco em resultados.

Cada rotina será distribuída para os profissionais com maior conhecimento técnico e experiência na área. Assim, a empresa reduz o número de falhas, que geram retrabalho e, consequentemente, ampliam os gastos diários da empresa.

3. Automatizar rotinas do setor

A automatização de rotinas do setor de TI é uma estratégia eficaz para reduzir custos em médio e longo prazo. Ela não só elimina boa parte dos erros operacionais, mas também melhora o direcionamento de tarefas e abre a possibilidade de profissionais adotarem uma rotina de trabalho mais inovadora e flexível.

Rotinas repetitivas serão executadas por scripts ou programas de automação. Uma vez que o tempo gasto com tarefas como o backup de dados for reduzido, profissionais de TI terão a oportunidade de investir em processos críticos, inovação e atendimento a demandas de usuários.

4. Implementar métricas de desempenho

O uso de métricas de desempenho auxilia gestores a encontrar pontos que necessitam de melhoria e gargalos operacionais. Assim, a empresa pode otimizar as suas rotinas e, consequentemente, reduzir gastos causados por erros ou rotinas de baixa performance.

Crie indicadores de desempenho de acordo com o perfil do setor de TI. A verificação do tempo médio de atendimento dos times de suporte, por exemplo, permite a identificação de processos de troubleshooting de baixa qualidade.

Já a avaliação do número de falhas que ocorrem na infraestrutura dá ao gestor uma visão ampla sobre quais dispositivos precisam passar por uma manutenção mais detalhada ou até mesmo serem trocados. Assim, fatores que influenciam nos gastos da área podem ser eliminados com precisão.

Gostou da nossa postagem sobre como reduzir custos no setor de TI? Quer ficar por dentro das novidades do nosso blog? Então dê um like na nossa página no Facebook para receber todas as dicas em primeira mão!